O jejum é uma tradição comum que envolve se abster de ou restringir o consumo de alimentos. Ele tem sido praticado há milhares de anos por razões religiosas e de saúde.

Em anos recentes, o jejum tornou-se uma maneira popular para as pessoas perderem peso.

Uma dieta do ovo é um plano de dieta de curto prazo que envolve comer principalmente ovos, queijo e manteiga.

Ela é popular entre as pessoas que buscam superar os obstáculos da perda de peso, especialmente aquelas em dietas cetogênicas.

Este artigo explica o que é uma dieta do ovo, incluindo suas regras, benefícios e riscos.

O que é uma Dieta do Ovo ?

Uma dieta do ovo é um plano de dieta de curto prazo desenvolvido pelo blogueiro Jimmy Moore em 2010.

Ela é uma dieta cetogênica restrita — uma maneira de comer que é rica em gordura, moderada em proteína e baixa em carboidratos.

As dietas cetogênicas ajudam o seu corpo a entrar no estado metabólico da cetose, durante o qual ele começa a usar cetonas como uma fonte de energia em vez da glicose.

O propósito de uma dieta do ovo é ajudar você a romper uma perda de peso planalto. Esses são pontos desencorajadores num plano de perda de peso onde a sua perda de gordura estagna.

Algumas pessoas a usam para ajudar seus corpos a entrar em cetose — antes de começar uma dieta cetogênica.

O plano tem muitas regras, incluindo:

  • Ovos inteiros — gemas e claras — são a fonte principal de gordura e proteína.
  • Você deve consumir 1 colher de sopa (15 gramas) de manteiga ou de uma gordura saudável por ovo consumido.
  • Você deve comer um ovo inteiro dentro de 30 minutos após acordar.
  • Você deve comer uma refeição à base de ovos a cada três ou cinco horas.
  • Você deve comer uma refeição mesmo que não esteja com fome.
  • Você pode comer até 1 onça (28 gramas) de queijo gordo por ovo consumido.
  • Você deve comer pelo menos seis ovos inteiros por dia.
  • Os ovos devem ser locais e produzidos em pasto sempre que possível.
  • Você deve parar de comer três horas antes da hora de dormir.
  • Você pode beber até três latas de refrigerante diet por dia, mas vise uma ou menos.

Estas são as regras mais comuns, mas as pessoas tendem a fazer suas próprias modificações.

Uma dieta do ovo típica dura entre três e cinco dias, já que isso deve ser o bastante para superar uma perda de peso planalto.

Segui-la por mais tempo do que isso não é recomendado, já que isso pode levar a riscos de saúde, como deficiências nutricionais e constipação.

A dieta do ovo não é adequada para pessoas com certas condições médicas como diabetes, distúrbios alimentares, hiper-responsivos a colesterol e pessoas sem vesícula biliar.

Ela também é inapropriada para pessoas que não podem comer ovos, como veganos, aquelas com alergia a ovo, ou aquelas que evitam ovos por razões religiosas.

Como Ela Funciona?

Uma dieta do ovo funciona induzindo o estado metabólico da cetose.

A cetose ocorre quando o seu corpo tem pouco acesso à glicose. Para compensar, o seu corpo produz corpos de cetona a partir da gordura e os usa como combustível

Para alcançar a cetose, as pessoas tipicamente precisam comer 50 gramas de carboidratos ou menos por dia. Elas obtêm o resto de suas calorias de uma dieta rica em gordura e moderada em proteína.

Uma dieta cetogênica poda ajudar na perda de peso promovendo a sensação de saciedade, restringindo opções de alimentos, aumentado o consumo de proteína, e diminuindo potencialmente os estoques de gordura.

Além disso, alguns estudos descobriram que dietas cetogênicas podem promover mais perda de peso do que dietas convencionais de baixa gordura e baixas calorias.

No entanto, uma dieta do ovo dura apenas de três a cinco dias, então isso pode não ser tempo o bastante para que alguém alcance a cetose. Em alguns casos, pode levar uma semana ou mais para entrar nesse estado.

O plano de dieta é mais restritivo do que as dietas cetogênicas convencionais, já que ele reduz o número de alimentos que você pode comer. Essa restrição pode cortar o seu consumo de calorias e promover uma maior perda de peso.

Embora uma dieta do ovo ajude você a perder peso, os seus resultados gerais dependem de vários fatores, como o seu peso inicial, altura, idade, sexo, e consumo total de alimentos.

Por exemplo, alguém com um peso inicial maior deve esperar perder mais gordura do que alguém com um peso inicial menor.

Dito isso, a maioria das pessoas alega que ter perdido 5–10 libras (1,4–2,7 kg) em 3–5 dias.

Benefícios da Dieta do Ovo

Até agora, a dieta do ovo não foi estudada cientificamente.

Os seguintes benefícios são o que você pode esperar ao seguir uma dieta cetogênica restrita de curto prazo que encoraja comer ovos.

Tenha em mente que uma dieta do ovo dura apenas de três a cinco dias, então você pode não ter todos os benefícios de uma dieta cetogênica convencional.

Aqui vão alguns dos benefícios que você pode esperar:

Pode Reduzir o Apetite

Uma dieta do ovo encoraja a comer ovos, que são conhecidos por ser bem substanciais.

Na verdade, numerosos estudos mostram que comer ovos pode ajudar você a se sentir mais cheio por mais tempo. Isso pode levar a consumir menos calorias por dia e provavelmente irá promover a perda de peso.

Ovos são substanciais porque eles são ricos em proteínas.

Estudos indicam que um alto consumo de proteína ajuda a elevar os níveis de hormônios que produzem a saciedade, como os peptídeos YY (PYY), GLP-1, e CCK, enquanto reduz os níveis do hormônio que promove a fome grelina.

Além de ser rica em proteína, uma dieta do ovo é um tipo de dieta cetogênica, que estudos descobriram saciar mais do que dietas padrões baixas em gordura e calorias.

Pode Ajudar Você a Perder Peso

Uma dieta do ovo é uma dieta de curto prazo bastante restritiva que limita as suas opções de alimentos.

Pesquisas indicam que limitar o número e a variedade de alimentos aprovados reduz naturalmente o seu consumo diário de calorias.

O plano de dieta também é baseado nos princípios cetogênicos, o que pode promover a cetose.

Estudos mostram que dietas cetogênicas podem ajudar você a perder gordura, manter massa muscular, frear o apetite e melhorar os indicadores de doenças, como açúcar elevado no sangue, triglicerídeos e níveis de colesterol.

Entretanto, uma dieta do ovo dura apenas de três a cinco dias, o que pode não ser tempo o suficiente para você alcançar a cetose. Em alguns casos, pode levar uma semana ou mais para alcançar esse estado.

Pode Promover Perda de Gordura Abdominal

Gordura abdominal, ou gordura visceral, é um fator de risco para doenças cardíacas, diabetes e outras condições crônicas.

Dietas cetogênicas, como a dieta do ovo, podem ajudar você a queimar mais gordura abdominal do que dietas de baixa gordura.

Em um estudo, adultos seguindo uma dieta cetogênica perderam bem mais gorduras totais e gordura abdominal do que aqueles numa dieta de baixa gordura — apesar de comerem 300 mais calorias por dia.

Em um estudo de 12 semanas, mulheres que seguiam uma dieta cetogênica perderam em média 21,2% de gordura visceral — comparada à redução de 4,6% em mulheres numa dieta rica em fibras e de baixa gordura.

Porém, como uma dieta do ovo dura apenas alguns dias, não está claro quanta gordura abdominal você perderia.

Pode Reduzir a Resistência à Insulina

Resistência à insulina ocorre quando o seu corpo não responde apropriadamente à insulina, um hormônio que regula o açúcar no sangue.

Vários estudos mostram que dietas cetogênicas podem reduzir a resistência à insulina, o que por sua vez pode melhorar a habilidade do seu corpo de gerenciar os níveis de açúcar no sangue.

Em um estudo pequeno de 2 semanas, pessoas com diabetes tipo 2 que seguiam uma dieta cetogênica reduziram sua resistência à insulina em 75%.

Em outros estudos, participantes com diabetes tipo 2 numa dieta cetogênica foram capazes ou de reduzir ou de parar completamente de tomar seus medicamentos para diabetes.

Embora seguir uma dieta do ovo possa reduzir temporariamente a resistência à insulina, mudanças de longo prazo devem ser feitas para promover resultados contínuos. Se você tem diabetes tipo 1 ou tipo 2, fale com seu provedor de assistência médica antes de tentar fazer uma dieta do ovo, já que isso pode ser perigoso.

Potenciais Riscos e Efeitos Colaterais

Uma dieta do ovo vem com alguns potenciais efeitos colaterais para a saúde de adultos.

Se você for novo nas dietas cetogênicas, você pode experimentar a gripe cetogênica, que é causada pelo seu corpo se adaptando às cetonas como fonte de energia em vez da glicose.

Sintomas comuns incluem fome elevada, irritabilidade, baixa energia, problemas para dormir, náusea, função mental fraca, fraqueza, dores de cabeça e mau hálito.

A maioria desses sintomas é temporária e deve desaparecer depois de alguns dias de dieta. Para reduzir o seu risco de gripe cetogênica, tente seguir uma dieta cetogênica antes de começar a dieta do ovo.

Constipação é outro possível efeito colateral, já que a dieta restringe alimentos ricos em fibras, como vegetais e frutas.

Para reduzir o risco, tente beber o máximo de água possível.

Uma dieta do ovo é também uma dieta de curto prazo e não deve ser seguida por mais do que três a cinco dias. Isso porque ela restringe muitos grupos de alimentos saudáveis que são necessários para uma saúde ideal.

Seguir essa dieta por tempo demais pode aumentar o seu risco de uma deficiência nutricional. Se você jejua regularmente, considere tomar um multivitamínico para ajudar a atender às suas necessidades nutricionais.

Embora uma dieta do ovo possa promover uma rápida perda de peso, você provavelmente vai recuperar o peso quando voltar à sua dieta regular — a menos que você implemente estratégias de manutenção de peso de longo prazo.

Uma dieta do ovo é inadequada para pessoas com diabetes tipo 1 ou tipo 2, hiper-responsivas a colesterol, pessoas com distúrbios alimentares, e aquelas sem vesícula biliar — a menos que sejam supervisionadas por um profissional de saúde.

Adicionalmente, dietas do ovo — assim como outros tipos de jejum — são inapropriadas para gestantes ou lactantes.

Se você tiver qualquer condição médica, fale com seu provedor de cuidados médicos antes de começar qualquer dieta.

Menu de Amostra

O seguinte menu dá a você uma ideia sobre como é uma dieta do ovo.

Dia Um

  • Café da Manhã: uma omelete de ovos e queijo feita com 2–3 ovos, preparada em 2–3 colheres de sopa (30–45 gramas) de manteiga ou outro óleo saudável, como azeite de oliva
  • Lanche: 1 barra de queijo em tiras
  • Almoço: 2–3 ovos recheados
  • Lanche: 2 onças (57 gramas) de um queijo de sua escolha
  • Jantar: crepe de ovo feito usando apenas 2–3 ovos, preparado em 2–3 colheres de sopa (30–45 gramas) de manteiga ou outro óleo saudável, como azeite de oliva

Dia Dois

  • Café da Manhã: panqueca de queijo cremoso — 2–3 ovos e 2–3 colheres de sopa (30–45 gramas) de queijo cremoso batido até ficar uniforme e preparado numa frigideira ou chapa com 3 colheres de sopa (45 gramas) de manteiga
  • Lanche: 1 onça (28 gramas) de um queijo de sua escolha
  • Almoço: salada de ovos — 2 ovos e 2 colheres de sopa (30 gramas) de maionese
  • Lanche: 1 onça (28 gramas) de um queijo de sua escolha
  • Jantar: quiche de queijo sem crosta feito com 2 ovos

Dia Três

  • Café da Manhã: 2 ovos fritos em 2 colheres de sopa (30 gramas) de manteiga com uma xícara de chá ou café preto
  • Lanche: 2 barras de queijo em tiras
  • Almoço: sobras da quiche de queijo sem crosta
  • Lanche: 1 onça (28 gramas) de um queijo de sua escolha
  • Jantar: 2–3 ovos recheados

Dia Quatro

  • Café da Manhã: omelete de ovos e queijo feita com 2–3 ovos, preparada em 2–3 colheres de sopa (30–45 gramas) de manteiga
  • Lanche: 1 onça (28 gramas) de um queijo
  • Almoço: 2 ovos bem cozidos
  • Lanche: 2 barras de queijo em tiras
  • Jantar: 2 waffles de ovos — 2–3 ovos preparados numa máquina de waffle com manteiga

Dia Cinco

  • Café da Manhã: 3 ovos mexidos com uma xícara de chá ou café preto
  • Lanche: 1 barra de queijo em tiras
  • Almoço: salada de ovos — 2 ovos e 2 colheres de sopa (30 gramas) de maionese
  • Lanche: 1 onça (28 gramas) de um queijo de sua escolha
  • Jantar: quiche de queijo sem crosta

A Conclusão

Uma dieta do ovo é uma dieta cetogênica de curto prazo restritiva que inclui principalmente ovos, queijo e manteiga ou outra fonte de gordura.

Ela dura de três a cinco dias e pode ajudar numa perda de peso em curto prazo. Porém, ela pode ter potenciais riscos como deficiências nutricionais — particularmente se você a segue por mais tempo do que é aconselhado.

Embora uma dieta do ovo possa ajudar você a romper uma perda de peso planalto, ela não é uma solução de longo prazo. Tente seguir uma dieta saudável e bem balanceada para resultados duradouros.